IDDD lança relatório de impacto 2018

13.08.2019

capa-relatorio-IDDD-2018-v2.inddO IDDD (Instituto de Defesa do Direito de Defesa) lançou nesta terça (13) o seu relatório de impacto 2018. Com o título “Compromisso com a liberdade”, a publicação sintetiza as atividades e projetos realizados pelo Instituto ao longo do ano passado. Diferentemente dos relatórios anteriores, desta vez a organização optou por dividir o documento em quatro grandes temas que marcaram o país e a defesa de direitos: gênero e cárcere, recrudescimento penal, distorções do sistema de Justiça e fortalecimento da democracia.

Ao longo dos quatro capítulos, a instituição mostra como usou seus projetos – inclusive os mais antigos, que passaram por reformulações importantes – para enfrentar tentativas de retrocesso nos mais diferentes âmbitos e fortalecer o direito de defesa. O relatório traz, ainda, os resultados dos esforços para melhorar o relacionamento com associados/as e ampliar a presença do IDDD na imprensa e nas redes sociais.  

A publicação parte da avaliação de que o ano de 2018, marcado por um acirramento do discurso punitivista e pela consagração de uma agenda antidireitos, tornou o trabalho de defesa de direitos ainda mais desafiador. “Está em curso um movimento perigosíssimo de demonização de direitos e garantias individuais, bode escolhido para expiar todas as mazelas da segurança pública”, afirma Fábio Tofic Simantob na carta de apresentação do relatório.

Clique aqui para ler a íntegra do relatório. 

 

 

Imprimir publicação Imprimir publicação